A pipoca, também chamada de pororoca em algumas regiões do Brasil, é simplesmente milho estourado por ação do calor. As pipocas devem ser preparadas com milho próprio para pipoca e, quando consumidas somente assim, são ótimas para a dieta pois contêm baixo teor calórico e ajudam a saciar devido à quantidade de fibra. Porém é mais comum preparar pipoca com alguns extras, como manteiga, açúcar, sal, chocolate, leite condensado e corantes alimentícios, que lhes conferem cores apelativas. A pipoca popularizou-se sobretudo a partir do século XIX, com o surgimento do cinema americano, sendo atualmente associada a espetáculos e festas.